terça-feira, 28 de junho de 2016

Preservação dos livros da biblioteca


Em dias de chuva são necessários alguns cuidados com os livros da Biblioteca

- Procurar andar com eles protegidos, dentro de sacolas plásticas.

- Se cair alguns pingos de chuva, secar imediatamente com folhas absorventes pois a umidade danifica as fibras do papel. 

- Se molhar muito, deve-se colocar folhas absorventes entre as folhas e trocá-las até que não fiquem mais úmidas e deixá-lo aberto em um lugar seco, para que ventile.

quarta-feira, 22 de junho de 2016

Biblioteca Digital da OAB


A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) está disponibilizando livros jurídicos entre outros em sua biblioteca digital.

É possível fazer download grátis.

Acesse: OAB

sexta-feira, 3 de junho de 2016

Os 10 piores erros que um profissional pode cometer agora

A economia do Brasil encolheu e as oportunidades profissionais minguaram. Vagas fechadas, demissões em massa e expectativa negativa dão contornos dramáticos ao cenário de emprego.
E se por um lado há aqueles profissionais de olho nas oportunidades que uma crise pode trazer, há quem faça tudo errado e aumente as chances de perder o emprego.
Mas, quais seriam estes erros? É o que EXAME.com foi investigar com especialistas, gestores e profissionais da área de recursos humanos. Confira quais são os piores comportamentos que uma pessoa pode ter neste período.

1. Pessimismo extremo
“Um dos piores defeitos é achar que absolutamente tudo vai dar errado, comportando-se com pessimismo diante da crise”, diz João Roncati, diretor da People & Strategy.
A atitude é ainda mais dramática e prejudicial para o clima de trabalho quando vem de um gestor. “Em momentos de crise, espera-se uma postura mais madura dos profissionais”, diz Camilla Padua, gerente de Rh da Evino.

2. Otimismo extremo
“Por outro lado, o otimismo cego é um erro. O profissional deve estar bem informado a respeito do cenário para saber até onde pode ir e como poderá fazer a diferença”, diz Roncati. Comportamentos panglossianos serão encarados como sinal de ingenuidade e desinformação. 


3. Especulação
“Contamina todo o ambiente”, diz Fernanda Pancheri, diretora da Note! Comunicação. Locutores da rádio-peão que engulam seco e profetas do Apocalipse que se cuidem. Mas semear fofocas, discórdia e espalhar o pânico no escritório é um péssimo comportamento, segundo os entrevistados.
De acordo com a gerente de Rh da Evino, tem profissional que se desespera e tira conclusões precipitadas e, na maior parte das vezes, fora da realidade. “No momento de crise a tensão é maior para todos. No entanto alguns exageram, uma pessoa passa e não dá bom dia, o outro já acha que será demitido”, diz.

4. Heroísmo
“É um erro grave, o profissional achar que sozinho vai conseguir resolver todos os problemas”, diz Roncati. Quem banca o herói, se desgasta e só revela a própria incapacidade de trabalhar em equipe.

5. Insistir em projetos caros e incertos
Difícil encontrar uma empresa que ainda não tenha ajustado custos para sobreviver à crise. “Gestores buscam alternativas de redução de custo e o profissional deve estar ciente que sugestões de projetos que, pelo contrário, tragam exigências ligadas a aumento os custos, podem não ser bem vistas”, diz Fernanda, da Note Comunicação. É importante entender o momento pelo qual a empresa atravessa e propor projetos que se encaixem no contexto da melhor forma.

6. Paralisia
O medo pode paralisar e entregar-se à inércia é igualmente perigoso para a reputação profissional. “ Às vezes, a pessoa pode ter uma sugestão de melhoria de processos mas fica travado e sente que não falar é melhor para não se expor”, diz Solange Pechibella, gerente de recursos humanos do Grupo Equipamed.
O risco que Solange enxerga é que o foco exclusivo nos problemas atrapalha o surgimento de ideias, tão necessárias para encontrar caminhos na crise.

7. Pedir aumento porque os preços subiram
Um pedido de aumento de salário não está proibido na crise. No entanto há que se justificar com resultados e produtividade. Atribuir o pedido ao aumento dos preços é mostrar-se um tanto quanto egoísta. Afinal, não foi só para você que tudo ficou mais caro.

8. Descomprometer-se com a equipe
Engajamento e comprometimento com o grupo são fundamentais para se destacar também em tempos difíceis, de acordo com Max Tozzini Bavaresco, diretor geral da SONNE. “É importante entender o momento e sentir que faz parte daquele grupo”, recomenda. Fazer o caminho contrário, portanto, pode levá-lo à ruína, ou melhor, ao olho da rua.

9. Deixar de fazer a sua parte
O profissional é protagonista dos seus resultados e deve assumir este papel, diz Bavaresco. Não é só o gestor que deve dar o exemplo. O comportamento de dono do negócio deveria estar presente em todos os níveis hierárquicos, na crise ou na bonança.
Lembre-se as oportunidades profissionais que têm surgido em maior número são para trazer mais eficiência com a substituição de profissionais que não estão entregando os resultados esperados e trazer mais eficiência. Você quer substituir ou ser substituído?

10. Ameaçar levar seu “brilhantismo” a outra freguesia
Especialistas e pessoas com raro conhecimento são os mais propensos a cometer este erro. Ao se considerarem essenciais ao bom andamento da operação, podem usar a necessidade da empresa pelo seu trabalho um elemento de barganha.
“É um momento de parceria e colocar a empresa em uma situação ameaçadora para conseguir alguma vantagem é também um dos piores erros”, diz Camilla Padua, da Evino. 

Fonte: Exame 

quinta-feira, 5 de maio de 2016

Cursos on-line e gratuitos pelo portal Veduca


O portal Veduca oferece cursos dos mais renomadas universidades mundiais gratuitamente e com certificado.

Os cursos abrangem várias áreas do conhecimento como: Administração, Ciência da Computação, Engenharia, Línguas, Matemática e Química.

Dentre as universidades que disponibilizam cursos estão: Unicamp, USP, Universidade de Brasília, Yale, Harvad e MIT.

Acesse o Portal Veduca

quarta-feira, 20 de abril de 2016

terça-feira, 19 de abril de 2016

Download de livros na área de Ciências Contábeis


Neste blog tem a opção de fazer Download de alguns livros de contabilidade.

É um blog bastante interessante e vale a pena conferir!


quarta-feira, 13 de abril de 2016

II Congresso Brasileiro de Processo Constitucional


Os ministros Paulo de Tarso Sanseverino, Ricardo Villas Bôas Cueva, Paulo Dias de Moura Ribeiro, João Otávio de Noronha e Marco Aurélio Bellizze, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), virão a Pernambuco neste ano. Eles contribuirão com o Congresso Brasileiro de Processo Constitucional, a ser realizado pelo Grupo Ser Educacional no Centro de Convenções, em Olinda, entre os dias 12 e 14 de maio.

Membro suplente da Comissão de Regimento Interno, Sanseveriano é mestre e doutor em Direito pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRS). Villas Bôas Cueva é doutor em Direito pela Johann Wolfgang Goethe Universität (Alemanha) e membro da Comissão de Documentação. Também doutor em Direito, Moura Ribeiro fez esta pós-graduação na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo e integra a Comissão de Jurisprudência. Presidente da terceira turma de 2016 a 2018, Noronha é especializado em Direito do Trabalho, Direito Processual do Trabalho e Direito Processual Civil pela Faculdade de Direito do Sul de Minas. Bellizze, mestre em Direito pela Universidade Estácio de Sá, é membro da Comissão de Regimento Interno.
A abertura ficará a cargo de Janguiê Diniz, mestre e doutor em Direito e fundador e presidente do Conselho de Administração do Grupo. Junto aos demais participantes, eles vão explanar guiados pelo tema geral - “As implicações do novo CPC [Código de Processo Civil] no processo constitucional: avanços e recuos”. O mote também guiará os talk shows, divididos entre os subtemas ativismo judicial, princípios constitucionais processuais, direito do trabalho e aspectos constitucionais do porte de arma.

Outros expoentes da área estão confirmados, a exemplo do professor João Maurício Adeodato, pós-doutor pela Fundação Alexander Von Humboldt e coordenador dos cursos de Direito do Ser Educacional, de Lenio Streck, pós-doutor em Direito pela Universidade de Lisboa (Portugal) e membro da Academia Brasileira de Direito Constitucional, e de Pedro Lenza, mestre e doutor pela Universidade de São Paulo (USP) e autor do livro “Direito Constitucional Esquematizado”. Para mais informações, estão os telefones  (81) 3412-6247/6246 e o e-mail congressos@sereducacional.com

Para participar deste congresso clique aqui.
Lembrando que a para se inscrever deve ser pago o valor de R$150,00 para alunos e R$300,00 para profissionais da área.
Para mais informações sobre o evento (Programação, localização, regulamento, envio de trabalhos, agência, certificados) clique aqui.

segunda-feira, 11 de abril de 2016

Empresa júnior de Engenharia de Energia organiza workshop sobre sustentabilidade

De 25 de abril até 13 de maio, a Bens – Soluções Sustentáveis (empresa júnior da UFPE do ramo de Engenharia de Energia) realiza o workshop Sustentabilidade Cotidiana, no auditório do Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA) na UFPE. A programação é composta por palestras, minicursos, mesas-redondas e debates.
O objetivo do evento é proporcionar o diálogo entre estudantes, pesquisadores e profissionais das áreas de Administração, Design, Geologia, Direito, Ciências Biológicas, Arquitetura, Gestão Ambiental e Engenharia de Energia, Química, Elétrica e Mecânica a respeito dos avanços e práticas sustentáveis no ramo acadêmico, científico e empresarial.
As palestras ocorrerão na última semana de abril, das 13h30 às 17h. Ainda sem todos os horários definidos, os minicursos acontecerão na primeira quinzena de maio. Entre as temáticas estão o consumo consciente de energia em tempos de crise e liderança sustentável. Serão emitidos certificados para os participantes dos cursos.
O formulário de inscrição será disponibilizado na página da empresa no Facebook. As palestras são gratuitas e a doação de 1 kg de alimento não perecível é opcional. Já o preço dos minicursos varia de R$ 25 a R$ 35.
Mais informações
Bens – Soluções Sustentáveis
benssolucoessustentaveis@gmail.com

quinta-feira, 7 de abril de 2016

Ciência mostra os benefícios que a literatura produz no cérebro



Segundo o The Guardian, um estudo da Universidade de Emory analisou os cérebros dos leitores de ficção literária e comparou-os com o de outras pessoas que não leram esse tipo de livros. 

Os cérebros dos leitores que leram, por exemplo, o livro 'Pompeii', de Robert Harris, durante um período de 9 dias, mostraram muito mais atividade em determinadas áreas do que os daqueles que não leram.


Os investigadores descobriram conectividade intensificada no córtex temporal esquerdo, a parte do cérebro associada à compreensão da linguagem. Na pesquisa foi possível descobrir maior conectividade no sulco central do cérebro, a região sensorial primária.

Os psicólogos David Comer Kidd e Emanuele Castano provaram, que a leitura de ficção literária aumenta a capacidade de detetar e compreender as emoções das pessoas, o que proporciona que façam amizades com mais facilidade por serem mais conscientes das emoções dos outros.

Os leitores deste tipo de livros têm a capacidade de transferir a experiência da leitura de ficção para o mundo real, sendo este um salto natural. Kidd crê que “a ficção não é apenas um simulador de uma experiência social, é uma experiência social”.

quarta-feira, 6 de abril de 2016

Biblioteca Digital


O Ministério da Educação disponibiliza para todos num site livros de domínio público para download.

É um biblioteca digital contendo imagens, livros, vídeos e músicas para download gratuito e ela é desenvolvida em software livre. 


Missão do Portal:

O "Portal Domínio Público", lançado em novembro de 2004 (com um acervo inicial de 500 obras), propõe o compartilhamento de conhecimentos de forma equânime, colocando à disposição de todos os usuários da rede mundial de computadores - Internet - uma biblioteca virtual que deverá se constituir em referência para professores, alunos, pesquisadores e para a população em geral.


Este portal constitui-se em um ambiente virtual que permite a coleta, a integração, a preservação e o compartilhamento de conhecimentos, sendo seu principal objetivo o de promover o amplo acesso às obras literárias, artísticas e científicas (na forma de textos, sons, imagens e vídeos), já em domínio público ou que tenham a sua divulgação devidamente autorizada, que constituem o patrimônio cultural brasileiro e universal.

Desta forma, também pretende contribuir para o desenvolvimento da educação e da cultura, assim como, possa aprimorar a construção da consciência social, da cidadania e da democracia no Brasil.

Adicionalmente, o "Portal Domínio Público", ao disponibilizar informações e conhecimentos de forma livre e gratuita, busca incentivar o aprendizado, a inovação e a cooperação entre os geradores de conteúdo e seus usuários, ao mesmo tempo em que também pretende induzir uma ampla discussão sobre as legislações relacionadas aos direitos autorais - de modo que a "preservação de certos direitos incentive outros usos" -, e haja uma adequação aos novos paradigmas de mudança tecnológica, da produção e do uso de conhecimentos.


segunda-feira, 4 de abril de 2016

10 Dicas para estudantes universitários

As vezes, depois de iniciar a vida acadêmica, alguns alunos passam por várias dificuldades e precisam apenas de um conselho, uma dica ou mesmo uma orientação de como agir pois surgem situações diversas que podem abalar o aluno, seja financeiramente, seja em relação ao tempo ou mesmo nos relacionamentos extra-universitários, alguns são afetados até na saúde, não por nada grave, as vezes uma simples falta de organização ou falta de costume.

Pensando nisso, o site Universia Brasil separou 10 dicas que podem ajudar bastante os alunos que chegaram agora na vida acadêmica e mesmo os que já estão e estão passando por esses problemas: 


1 - Controle-se financeiramente

Compre a bibliografia obrigatória somente quando for extremamente necessário e pegue emprestados os livros que estiverem disponíveis na biblioteca. Além disso, cancele seu cartão de crédito caso você seja um viciado em compras.  Essas pequenas economias farão grande diferença se você realmente precisar de um dinheiro extra. (Algumas bibliotecas possuem biblioteca virtual com um acervo muito maior - A biblioteca da FOCCA tem. Acesse através do seu portal!) 


2 - Organize seu tempo
Divida seu dia entre as aulas, o trabalho (se você tiver) e as atividades extracurriculares. Faça anotações, seja disciplinado e participe das aulas.

3 - O sistema não está contra você! 
Não discuta com as autoridades da sua universidade. Sempre que você estiver com algum problema, tente resolve-lo da maneira mais educada possível, porque isso pode ser bom para sua carreira no futuro.

4 - Faça amizades 
Adquirir uma vida social é muito importante. Além de facilitar a adaptação no novo ambiente, as novas amizades podem tornar-se relações duradouras de confiança. Você cultivará várias histórias e se importará menos com rumores desnecessários.

5 - Estágios e contratações
Procure um estágio durante o período universitário, porque isso pode gerar boas oportunidades no futuro. Está prática sempre conta pontos positivos no currículo.



6 - Tenha certeza que escolheu o curso certo 

Como calouro, é importante que você dedique um tempo para explorar e pensar sobre as possibilidades da sua futura profissão, para que você tenha certeza da sua escolha. Outra dica é que você assista aulas diferentes para ver qual a sua área de preferência dentro da carreira. 

7 - Ouça os conselheiros
Quando o aluno ingressa na faculdade, a instituição tenta conectar os calouros com conselheiros da área de atuação de interesse de cada um. Porém, após um tempo, você pode conhecer outros conselheiros e querer saber mais sobre eles.


8 - Conheça as fontes de pesquisa da instituição:
Informe-se de todos os programas que estão sendo promovidos pela faculdade. Além disso, cheque se existem tutoriais ou aulas de reforço para que você fixe melhor os conteúdos.

9 - Estabeleça objetivos
Determine quais os intuitos de cada aula que você assistir e, além disso, opte por outra fora da grade horária. Porém, organize bem seus horários para você não ficar sobrecarregado.


10 - Esteja saudável 

Exercícios físicos aumentam o fluxo sanguíneo para o cérebro e, consequentemente, melhoram o humor e o sono, além de reduzir a ansiedade e o estresse. Por isso, coma bem, mantenha-se em forma e se exercite regularmente.
Fonte: Universia

terça-feira, 29 de março de 2016

segunda-feira, 28 de março de 2016

4º Festival RioMar de Literatura

Festival RioMar de Literatura celebra João Cabral de Melo Neto

Entre os dias 28 e 31, o Teatro RioMar recebe uma programação com debates, esquetes e shows
João Cabral de Melo Neto vai ser o homenageado da quarta edição do Festival RioMar de Literatura Pernambucana / JC Imagem

João Cabral de Melo Neto vai ser o homenageado da quarta edição do Festival RioMar de Literatura Pernambucana

JC Imagem


Já totalmente pronto para realizar a sua quarta edição, o Festival RioMar de Literatura Pernambucana tem se consolidado no calendário cultural da cidade. Na próxima semana, entre os dias 28 e 31, o Teatro RioMar vai receber uma série de debates, esquetes teatrais e shows. O evento é gratuito, com direito a certificados no final.
O homenageado deste ano é um nome incontornável da poesia brasileira: João Cabral de Melo Neto. Nos quatro dias do festival, a sua poética e suas obras serão discutidas por nomes como Lucila Nogueira, Raimundo Carrero, Marcus Accioly e Ana Maria César. Um dos destaques da celebração é a exibição do documentário Morte e Vida Severina – 60 Anos Depois, dirigido pelo jornalista pernambucano Gerson Camarotti e por Cristina Aragão. Gerson viria para o debate sobre o filme na abertura, mas, por conta da atuação como comentarista e do atribulado momento político brasileiro em Brasília, não poderá marcar presença. Quem apresentará o documentário, produzido pela GloboNews, é Cristina.
Os autores e pesquisadores convidados vêm a convite da curadora Carmen Peixoto, que organiza o festival, com em parceria com a presidente da Academia Pernambucana de Letras, Margarida Cantarelli. Estarão presentes acadêmicos como Luzilá Gonçalves, José Nivaldo Júnior, Nelly Carvalho, José Mário Rodrigues e Ângelo Monteiro, entre outros.
“A proposta do 4º Festival RioMar de Literatura Pernambucana é reunir talentos de diferentes estilos no campo literário, autores consagrados pelos textos poéticos, pela prosa e dramaturgia e com produções voltadas para estudantes e público em geral. A homenagem que este ano o RioMar e Academia Pernambucana de Letras vão prestar ao escritor e poeta João Cabral de Melo Neto, nada mais é do que o nosso reconhecimento a quem muito fez no campo das letras”, comenta Carmen.
Todos os dias, o grupo Dispersos Cia. de Teatro fará pequenas leituras e esquetes a partir de poemas de João Cabral. Uma novidade são as atrações musicais. “Cada dia vamos apresentar shows com conhecidos cantores compositores e o evento culmina com a apresentação do poeta e cantor Jessier Quirino. Todos que comparecerem terão oportunidade de receber certificados, a cada dia do evento. Creio que será um encontro inesquecível”, avalia a organizadora.
Programação:
Segunda, 28 de março
17h - Abertura
17h30 - Orquestra Cidadã Meninos do Coque
18h - Mensagem de Margarida Cantarelli
18h15 - Cristina Aragão apresenta Morte e Vida Severina – 60 Anos Depois
19h - Cristina Aragão responde ao público

Terça, 29 de março
15h10 – Poesia, mesa com Ângelo Monteiro, José Mario Rodrigues e Lourdes Sarmento
16h15 - Fragmentos do poema A Educação pela Pedra com a Dispersos Cia. De Teatro
16h25 – Arte e Cultura na TV, palestra de Jô Mazzarolo
17h25 – Cordel, mesa com Luiz Berto e Mauro Machado
18h25 – Fragmentos do poema Os Três Mal-Amados com a Dispersos Cia de Teatro
18h35 – Show Lendas – Tesouros da Terra de Anchieta Dali com Luciano Magno e Cezzinha

Quarta, 30 de março
15h15 – João Cabral de Melo Neto e a Poética da Pedra, mesa com Marcus Accioly e Ana Maria Cesar
16h10 - Fragmentos do monólogo Auto do Frade com a Dispersos Cia de Teatro
16h20 – O Fantástico na Literatura, mesa com Luzilá Gonçalves e Roberto Beltrão
16h30 – Jogral com os Jovens do Instituto JCPM
16h40 – Romance, palestra de José Nivaldo Júnior
17h50 – Fragmento do poema Educação pela Pedra com a Dispersos Cia de Teatro
18h – O Conto, mesa com Margarida Cantarelli , Melchíades Montenegro e Admaldo Matos
19h – Show Tributo a Dominguinhos de Liv Moraes

Quinta, 31 de março
15h30 – O Elogio da Concisão, palestra de Lourival Holanda
16h30 – Fragmento do poema Morte e Vida Severina com a Dispersos Cia de Teatro
16h40 – Características da Língua Portuguesa: Saudade, palestra de Nelly Carvalho
17h20 – O Surrealismo e a Narrativa na Poesia de João Cabral, palestras de Lucila Nogueira e Raimundo Carrero
18h40 – Encerramento com Margarida Cantarelli
19h – Show Nordestinidades de Jessier Quirino

Fonte: JC

segunda-feira, 21 de março de 2016

MEC disponibiliza curso de inglês on-line e gratuito

Todo mundo sabe que na atualidade saber falar inglês é essencial. Mas muitas pessoas, por causa da correria e dos valores findam por não conseguir fazer um curso de inglês.

Pensando nisso, o Ministério da Educação (MEC), em parceria com a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), oferece aulas de inglês gratuitas para estudantes oriundos de instituições de ensino superior públicas e privadas no Brasil. Trata-se do curso My English Online. A plataforma on-line foi criada com o objetivo de preparar os estudantes para participar do programa Ciências Sem Fronteiras. Sendo assim, alunos de graduação ou pós-graduação podem participar. Ao mesmo tempo, pessoas que precisam ou querem aprofundar seus conhecimentos em inglês podem utilizar a ferramenta para isso.Se o interessado estuda em universidade privada, é preciso ter obtido pelo menos 600 pontos de média em alguma edição do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), válida a partir de 2009.

O usuário terá acesso a livros interativos, leituras graduadas (National Geographic), exercícios de gramática (com correção imediata), dicionários, atividades para prática oral e testes de acompanhamento. Além disso, os materiais podem ser impressos para prática posterior, sem necessidade de consulta ao computador.
O curso é dividido em cinco níveis de aprendizado. Cada nível contém três partes (que deve concluída em até 60 dias) abrangendo atividades com e-Book, vídeo, gramática e leituras. A duração máxima de cada etapa é de 180 dias. Ao final de cada parte, o usuário deverá fazer um Teste de Progresso como preparação para a Prova Final do nível.
Para iniciar o curso, o estudante deve se cadastrar na plataforma e assinar o Termo de Compromisso. Depois disso, o usuário tem até 45 dias para começar os estudos. Clique aqui para de cadastrar!

sábado, 12 de março de 2016

Homenagem ao Dia do Bibliotecário

Dia 12 de Março é comemorado o Dia do Bibliotecário.
Muitas vezes a gente mal os vê porque estão sempre na salinha, organizando as coisas, resolvendo broncas e trabalhando para que os livros estejam organizados, disponíveis e acessíveis para os alunos poderem estudar, contudo, o bibliotecário é um profissional muito importante em todas as instituições de ensino. 
Queremos então homenagear todos os bibliotecários e bibliotecárias pelo seu dia!

(Foto: http://portaldobibliotecario.com/)

Em especial à nossa bibliotecária na FOCCA, Vânia! 


Equipe da Biblioteca.

quinta-feira, 3 de março de 2016

Spotlight e os ensinamentos sobre gestão


Lições do vencedor do último Oscar de melhor filme podem ser aplicadas na gestão das empresas


A 88ª edição do Oscar trouxe algumas surpresas, entre elas, a vitória de Spotlight como melhor filme. Na trama, baseada em fatos reais, um grupo de jornalistas de Boston (EUA) está imerso em uma investigação sobre abusos de crianças por padres católicos. O trabalho traz grandes aprendizados que podem ser aplicados na gestão das empresas.
O grupo de jornalistas do The Boston Globe realiza uma meticulosa apuração antes de divulgar suas reportagens. O levantamento sobre as denúncias pode durar meses e até anos, pois exige a confirmação dos fatos. 

Se traçarmos um paralelo com qualquer empresa no mercado, podemos compará-la, por exemplo, a um grupo de inovação. Da mesma forma que eles precisam apurar os fatos, cruzar informações e ter certeza de que estão no caminho correto, uma equipe necessita de tempo para desenvolver e executar algo novo. Testar os produtos e serviços, assim como saber qual a aceitação do mercado, antes de lançá-lo, é essencial.
Em Spotlight, os jornalistas levaram alguns anos levantando e checando as informações, consumindo tempo e recursos financeiros da empresa. Entretanto, a direção da companhia manteve o grupo ativo, mesmo sem geração de receita oriunda das matérias. 
Uma organização deve agir da mesma maneira: um projeto pode demorar tempo até ter um produto ou serviço que valha a pena ser lançado no mercado. Quem se compromete a ter um grupo de inovação ativo, precisam acreditar e investir no projeto para receber um retorno a longo prazo.

Outro aspecto interessante tratado no filme é a confidencialidade. Apenas poucas pessoas sabiam da investigação e, muitas vezes, excluir das reuniões outros “chefes” de departamento era necessário. Isso pode soar rude ou mal-educado, mas é um aspecto que precisa ser respeitado, pois, sem o sigilo, abre-se portas para os concorrentes. Tanto no filme como nas instituições, ser inovador é fundamental para ganhar market share.
- PUBLICIDADE -
Durante a trama, os jornalistas-investigadores perceberam que outra equipe estava próxima, porém, tiveram a agilidade para publicar suas matérias primeiro. Uma empresa precisa saber o momento certo para apresentar seu produto, avaliando o mercado que está inserido. Se a ação for realizada muito cedo, pode não causar o resultado esperado ou, se demorar, o concorrente pode fazê-lo na frente. Gerenciar essas expectativas e o timming certo é uma arte.

Outro ponto de reflexão sobre o mundo empresarial é a ética. No filme, o responsável pelo grupo de jornalistas deixou passar despercebido provas que envolviam a igreja. Ao descobrir a falha, o personagem levou o caso ao diretor. 
Esse, por sua vez, não rebaixou o funcionário, incentivou-o para que continuasse a investigação. Deve ser assim nas organizações. Ao invés de punir ou desestimular os colaboradores, procure incentivá-los na busca da melhoria contínua.

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

8 dicas para adquirir o hábito de leitura rápida

A leitura é uma atividade muito importante e que pode trazer grandes benefícios para aqueles que a praticam. Aumento da bagagem cultural, desenvolvimento do senso crítico, da criatividade e ampliação da quantidade de conteúdos aprendidos são alguns deles. No entanto, por causa da rotina acelerada, diversos indivíduos têm interesse pelos livros, mas não têm tempo para desfrutar do hábito.


Mesmo que seja complicado realizar essa atividade no dia a dia, é essencial que as pessoas encontrem formas de conseguir realizá-la devido à importância da prática. Se você está dentro dessas estatísticas e não sabe o que fazer, confira hábitos que podem ajudar a inserir a leitura no seu cotidiano:


1- Tenha mais livros do que você conseguirá ler

Independentemente se você prefere pegar as obras emprestadas com amigos, em bibliotecas ou comprá-las, sempre tenha mais delas do que conseguirá ler. Assim, todas as vezes que lembrar a quantidade de livros que tem para ler, provavelmente será impulsionado a acelerar as leituras, para conseguir entrar em contato com a maior parte delas.

A dica também serve para aqueles que preferem os e-books: faça o download de muitas obras. A grande quantidade armazenada nos seus dados certamente será um motivador para que você leia mais rapidamente.

2- Leia mais de um livro ao mesmo tempo

Além de estimular mais o funcionamento do cérebro ao ler mais de um livro ao mesmo tempo, essa prática é boa, porque você torna-se capaz de se adequar a vários tipos de leitura de uma vez. Algumas obras são mais fáceis de ler durante o dia, já que exigem mais atenção do leitor que precisa fazer análises com base no texto. Outros, como romances, podem ser facilmente lidos durante a noite, já que não exigem tanto. Assim, a pessoa consegue ler mais e ainda contemplar vários tipos pelos quais se interessa.

3- Estabeleça metas de leitura

No momento que começar um novo livro, estabeleça em quanto tempo irá terminá-lo, além da quantidade de páginas que lerá por dia. Assim, você se torna mais organizado e, consequentemente, consegue ler mais obras em um período determinado de tempo.

4- Leia pensando em você

O mais importante do hábito de leitura é que você escolha livros que irão ser benéficos para você. Não se preocupe com o que deveria estar lendo ou o que as pessoas esperariam que você estivesse. Seja honesto com você mesmo e aproveite o momento para desfrutar de obras que realmente o interessem.

5- Leia em dispositivos móveis durante o caminho para o trabalho ou instituição de ensino

O celular é um aparelho que sempre acompanha as pessoas durante a rotina e, por isso, pode ser um bom instrumento de leitura. Caso você não goste de desfrutar os livros por meio de dispositivos digitais, aproveite o tempo para ler textos menores disponíveis na internet. Pela quantidade de conteúdos online, com certeza você encontrará algum que interessará.

6- Analise qual o melhor momento do dia para ler

Cada um precisa analisar quando é o melhor horário para ler e onde prefere fazer a atividade. Preocupe-se em escolher um em que você sinta que consegue absorver a mensagem passada pela obra e que sente prazer em estar lendo. É essencial que o hábito torne-se confortável e até imprescindível na sua rotina.

7- Estabeleça prioridades

Se você quer criar o hábito de ler, precisa estabelecer uma lista de prioridades em que a leitura seja um dos primeiro tópicos. Você precisa se condicionar a prática e não ser corrompido pelas distrações, como a internet ou a televisão. Quando você se dispuser a ler, fique longe desses objetos, para que mantenha o foco somente no texto que escolheu.

8- Faça apostas com pessoas que você gosta

Se você tem amigos que leem muito, por que não realizar apostas com eles para que isso seja um motivador para ampliar seu hábito de leitura? Estabeleçam metas que vocês devem cumprir e escolham um prêmio para o ganhador, como um livro. Aproveite para ter momentos de diversão com pessoas queridas e para se beneficiar das vantagens da leitura.

Fonte: Aqui